Notícias

Campanha que incentiva a população paranaense a destinar parte do seu Imposto de Renda para projetos e fundos do terceiro setor nunca foi tão importante

Em momento delicado para as ONGs, é lançada a campanha de estímulo à cidadania fiscal “Declare o Bem no seu Imposto de Renda”, com o objetivo de sensibilizar a população a destinar parte do Imposto de Renda (IR) a projetos e fundos incentivados fiscalmente. A campanha é liderada pelo Instituto GRPCOM, Grupo Marista e Instituto Positivo com apoio do Conselho Regional de Contabilidade do Paraná (CRCPR), Grupo Brasil de Empresas de Contabilidade e mais de outras 30 organizações.  

Nunca foi tão importante doar 

Todos os anos, empresas e Pessoas Físicas podem destinar parte do valor do Imposto de Renda a projetos e fundos que transformam a comunidade. Considerando os impactos da pandemia, as destinações tornaram-se ainda mais importantes para as organizações sociais que foram amplamente impactadas. Pesquisa realizada pelo Instituto GRPCOM com ONGs de todo o Paraná, em 2020, apontou que entre os meses de março e outubro 35% das ONGs pesquisadas precisaram suspender suas atividades e 41% correm o risco de não conseguir se manter financeiramente nos próximos meses, o que deixaria mais de 130 mil pessoas desassistidas. Nesse contexto é que a campanha procura unir pessoas físicas, empresas e organizações de todo o Paraná para reverter os historicamente baixos índices da destinação fiscal.

Eliane de Jesus, coordenadora do Aldeias Infantis SOS Brasil, sabe bem como é essa realidade. “No momento de pandemia em que estamos vivenciando, as ações precisam ser assertivas e rápidas, pois aumenta o número de famílias em vulnerabilidades e elevam os números de participantes tanto no serviço de Fortalecimento Familiar e Comunitário como nos serviços de acolhimento institucional na modalidade de casas-lares . Com a destinação do IR para as organizações, conseguimos dar continuidade aos serviços já existentes e trazer as respostas de acordo com as necessidades das famílias”, explica.

Como fazer a destinação

O período para realizar a declaração do imposto de renda 2021 já começou e vai até o dia 30 de abril. A doação do IR da pessoa física acontece diretamente pelo Programa da Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física (DIRPF), onde a pessoa escolhe para qual fundo e qual o valor que quer destinar. A pessoa física pode destinar até 6% dos seus impostos, sendo 3% para o Fundo da Criança e adolescente e 3% para o Fundo do Idoso. Para facilitar esse processo, a campanha disponibilizou materiais instrutivos e um Guia com orientações para realizar essa destinação. O “Guia de destinação fiscal: saiba como declarar o bem no seu imposto de renda” pode ser baixado no site da campanha clicando aqui!

Confira abaixo materiais disponibilizados gratuitamente para os contribuintes: 




Federação Nacional das APAEs promove live sobre destinação do IR

No próximo dia 31 de março, quarta-feira, o vice-presidente de Registro do CRCPR, Alberto Barbosa representa a entidade na live “Captação de recursos do Imposto de Renda por meio dos fundos sociais da infância e da pessoa idosa”, a partir das 19h, com transmissão simultânea na plataforma Youtube e Facebook da Federação Nacional das APAES. Não perca!